quinta-feira, 4 de junho de 2020

NÃO SE PARALISE MEDIANTE AS LIMITAÇÕES DO AGORA

(Clique na imagem para ouvir o áudio)

             Não é porque algumas coisas não estão fluindo como você esperava, que você deve cruzar os braços. Não é porque dificuldades e obstáculos surgiram perante o teu caminho, que você deve desistir da caminhada. Não é porque você precisou encerrar um ciclo da sua vida ou dar adeus para algumas coisas, que você não possa recomeçar por um novo percurso ou iniciar uma nova fase. Seja qual for a situação problemática ou as circunstâncias desafiadoras que você esteja vivenciando no seu momento atual, não desista de lutar por um "sim" para o dia de amanhã só porque você está lidando com o "não" no dia de hoje. O tempo de Deus é extraordinário, providencial e transformador, é ele que faz a semente germinar, a flor desabrochar, os dias passarem, lua e sol revezarem o expediente no céu. É o tempo de Deus de maneira magnífica que traz respostas, que responde orações, que acalma os corações aflitos, fortalece almas enfraquecidas, e sara todos os ferimentos do corpo e do espírito.  Então, mesmo que tudo pareça fora de lugar nesse momento, ou que pareça que as coisas não vão se ajeitar, não limite-se a ficar parado, não permita-se desistir. As mudanças e resultados promissores no futuro dependem muito do que você pode fazer no tempo de agora que Deus te oportuniza viver.



A palavra para hoje é AÇÃO.


(Mariana Helena de Jesus)
@marianahelenadejesus


quarta-feira, 3 de junho de 2020

O TEMPO DE RESTAURAÇÃO EXIGE UM TEMPO DE PACIÊNCIA


(clique na imagem para ouvir o áudio)


           O corpo machucado cicatriza. Um músculo lesionado se restabelece. Um organismo enfraquecido se fortalece. Um coração magoado se restaura, e a alma ferida se renova. A vida humana é como um rio que segue, e apesar de algumas quedas d'água, muitos obstáculos e desvios do percurso, suas águas contornam a tudo, destroem até mesmo fortes rochas e seguem ao seu destino. Assim como as águas do rio, a vida não pára por causa das dificuldades que surgem mediante o trajeto. Com exceção da morte, nenhuma dor, angustia, sofrimento, ferida, preocupação, decepção ou obstáculo paralisa a vida de alguém para sempre. Tudo nessa vida passa, nada permanece para sempre do mesmo jeito que está agora, porque seguimos em um ritmo assim como o rio corre para o mar. Tudo se conserta, tudo se renova, tudo se ajeita conforme o tempo de Deus, exigindo da gente um tempo de paciência.



A palavra para hoje é CURA.


(Mariana Helena de Jesus)
@marianahelenadejesus

terça-feira, 2 de junho de 2020

NÃO NOS DESESPEREMOS NA AUSÊNCIA DAS RESPOSTAS E DAS SOLUÇÕES.



            Nem sempre estamos preparados para enfrentarmos os desafios inesperados, que surgem mediante os nossos caminhos dificultando a execução dos nossos projetos. Nem sempre estamos preparados para lidarmos com alguns contratempos que aparecem inesperadamente e nos tiram de tempo, aflorando alguns conflitos, desentendimentos, ou ocasionando problemas que nos afoga em preocupações. É difícil lidar com a instabilidade da vida e sua avalanche de desafios imprevistos. Porém, não podemos nos render mediante a essas situações inevitáveis. Mesmo que não tenhamos imediatamente as respostas e soluções para alguns problemas ou situações conflitantes que nos confrontam duramente, ainda assim, contextos como esses nos exigem serenidade para nos mantermos calmos e firmes perante tais circunstâncias.  E dessa forma nos mantermos de pé e no controle de nossas emoções, para que a insegurança, o medo ou a desmotivação não nos leve ao desespero, e nem nos paralise diante dos embates que precisemos enfrentar.


A palavra para hoje é DISCERNIMENTO.


(Mariana Helena de Jesus)
@marianahelenadejesus

segunda-feira, 1 de junho de 2020

É PRECISO VENCERMOS OS LIMITES DE NOSSAS PRÓPRIAS INSATISFAÇÕES






            Por mais que a gente se desdobre e se esforce perante as nossas responsabilidades e os nossos propósitos em meio a uma rotina tão corrida, nem sempre as coisas saem como a gente espera ou planeja. Muitas coisas tendem a sair fora do nosso controle, e muitos obstáculos ou impossibilidades surgem sem que a gente estivesse esperando, ou tivesse contribuído para tal situação. Então, por vezes perante essas inconstâncias e imprevistos acabamos vendo alguns dos nossos planos paralisados, alguns projetos ficando inacabados, efeitos negativos, sem termos como modificarmos esses resultados. E isso acaba gerando em nós um imenso desapontamento, uma inquietação mental, que nos mergulha numa angustiante insatisfação perante nossos esforços fracassados e os resultados indesejados. Todavia, essas fases e circunstâncias são comuns a todo ser humano, pois em algum momento alguém já viveu ou vai se deparar vivenciando esses momentos insatisfatórios. Portanto, se a fase se apresenta negativa, se o ciclo de instabilidades parece infindável, e se você não tiver as respostas, a saída, a solução ou a chave para mudar esses resultados, não desperdice tempo com indagações e pensamentos pessimistas. Seja paciente, acredite que quaisquer que sejam os temporais eles vão passar, então, não desista de seus projetos e planos, porque a qualquer hora os ventos das resoluções podem chegar.


A palavra para hoje é PERSISTA.


(Mariana Helena de Jesus)
@marianahelenadejesus

sexta-feira, 29 de maio de 2020

CONTROLAR AS EMOÇÕES AJUDAM EM BOAS DECISÕES



                É diante da euforia das emoções que podemos cometer os maiores atropelos com nossas decisões. Em meio a situações que nos permeiam com dúvidas e inseguranças precisamos refletir sobre nossos medos, sobre nossas incertezas, sobre as possibilidades, e, especialmente, sobre as consequências das nossas escolhas e dos nossos atos impensados e repentinos. Assim como, diante do fervor da raiva, da indignação, de um sofrimento dilacerante, ou até mesmo mediante um momento de muito contentamento ou ansiedade, devemos ter o cuidado para não nos precipitarmos buscando respostas ou soluções imediatas. Às vezes, por um momento de satisfação momentânea também podemos nos exceder em nossas atitudes e impulsos, e posteriormente sofrermos grandes arrependimentos ou provocarmos problemas indesejáveis e inimagináveis. Nem sempre as escolhas e decisões devem ser tomadas na emoção, pois pensar antes de agir mantém o equilíbrio e sensatez no resultado de nossas ações.



A palavra para hoje é RAZÃO.



(Mariana Helena de Jesus)
@marianahelenadejesus